quantos estao lendo agora

gostou? recomende


quarta-feira, 10 de março de 2010

Melhor que antes!

Sou mulher, tenho 34 anos de idade e vou contar minha história.
Em 15/07/2009, ao meio dia, após uma manhã normal de trabalho, tudo começou a rodar de repente. Meus amigos de trabalho me socorreram e me levaram ao hospital. Tudo rodando, visão dobrada, vômitos e uma dor de cabeça infernal do lado direito, das 12 às 22 horas no pronto socorro.
Parecia que meu olho, dentes, nuca e ombro iam explodir. Eu me dobrava de dor e vomitava, não tinha posição para ficar. Me deram soro e Dramin, foi como água. Fui internada na enfermaria às 22 horas, me puseram fralda porque não conseguia ir ao banheiro sozinha.
Nos dias seguintes vi que meu lado direito do corpo estava todo bobo, quebrava copos plásticos com a mão direita, estrábica do olho direito
e a pálpebra caída, a visão atrapalhada, coisas e pessoas dançando sozinhas. Após tomografia fui internada na neuroclínica.
Ao todo foram 35 dias de internação hospitalar. Através de ressonância magnética os médicos descobriram que sofri um AVC isquêmico no cerebelo, e através de angiografia descobriram que o mesmo foi causado por ruptura (dissecção) da artéria vertebral direita, atrofiada de nascença, o que explica a ocorrência do AVC na minha idade, já que não sou obesa, não tenho pressão alta, não tenho vícios e faço atividades físicas regulares.
Graças a Deus não fiquei com seqüelas aparentes, meu lado direito foi se recuperando durante a internação, fiquei com uma “cicatriz”: quando
estou muito doente, muito tensa ou muito cansada, os sintomas aparecem. Ontem mesmo (09/03/2010) eu estava muito cansada e a parede
da cozinha começou a andar sozinha, não entrei em pânico, me deitei, descansei e passou.
Tomo Marevan, me mantenho em anti-coagulação para a recuperação da artéria. Dia 18/04/2010 farei nova ressonância.
Hoje considero o que aconteceu como um divisor de águas: repensei minha vida, minha Fé. Durante minha internação tive muita proteção espiritual, minha família me apoiou, meus amigos verdadeiros ficaram ao meu lado, fiz novos amigos e lá no hospital conheci meu namorado, com quem estou há sete meses. Mudei muitas atitudes para melhor. Valorizo minha vida a cada dia que passa, e hoje sou infinitamente mais lúcida, feliz e grata do que era antes.
AMIGOS EM RECUPERAÇÃO, NUNCA PERCAM A ESPERANÇA EM DIAS MELHORES, E LUTEM SEMPRE. FIQUEM COM DEUS.
Um grande beijo, Myrna

2 comentários:

marilynsantana@hotmail.com disse...

eu gostei mt dos relatos qeria me corresponde c o os seus leitores pois minha mae teve dois avc e faleceu! aibnda hj n me recuperei da perca dela!

Anônimo disse...

OI EU TIVE UM MALDITO AVC FAZ 15 DIAS ESTO PRATICAMENTE NORMAL SO COM A VIZAO DO LADO DIREITO MUITO TURVA SEM VIZAO PARA DIZER A VERDADE
OI VIDA SOFRIDA NASSI PARA SOFRER TINHA COMVULÇAO DES DOS 7 ANOS DE IDADE MEU PAI MEDEIXO ACORRENTATO ATE OS 20 TENDO COMVULÇAO ACORRENTADO ISTO QUE E SOFRIMENTO MAS DEPOIS DOS 20 COMSEGUI MELIVRAR DAS CORRENTES FUI TRABALHER COMSEGUI SER ALGUEM NA VIDA MAS DE POIS DO 40 FUI TER ESTE MALDITO AVC MAS TENHO MUITA FE EM DEUS TODOS NOS TEMOS QUE TER EM PRIMERO LUGAR DEUS NO CORAÇAO NUMCA FAZER MAL A NIMGUEM BJS A TODOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TRANSLATOR

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Translator Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Report abuse Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.