quantos estao lendo agora

gostou? recomende


sexta-feira, 18 de maio de 2012

Dor crônica



ALGUÉM AÍ SABE O QUE É SENTIR DOR DESDE O MOMENTO EM QUE VOCÊ ACORDA ATÉ O MOMENTO EM QUE A DOR LHE CANSA TANTO QUE VOCÊ DORME, DIA APÓS DIA, SEM INTERVALO?
   Meu pai teve um ACV isquêmico há cerca de 4 anos. Atendimento de emergência precário, internação conturbada, hospital sem recursos e todas as dificuldades que puderem imaginar. Porém, gostaria de compartilhar o que mais prejudicou a recuperação e a qualidade de vida durante 3 anos e que nenhum NEUROLOGISTA E NENHUM FISIATRA CONSEGUIU DIAGNOSTICAR: uma dor crônica que ele sentia na região do quadril e coxa (lado direito, o afetado pelo AVC).

   Não se tratava de uma dor com a qual pudesse conviver, não suportava ficar sentado nem por poucos minutos, não havia fisioterapia que trouxesse conforto nem analgésicos. Foi piorando com o passar dos anos, chagamos a levá-lo duas vezes por semana durante meses ao pronto socorro para tomar morfina, aos gritos de tanta dor. Procuramos tratamentos convencionais e alternativos, acupuntura inclusive, e nada. A gota d'água foi ouvir de uma FISIATRA DA AACD (SÃO PAULO) QUE A DOR QUE ELE SENTIA ERA PORQUE NÃO SE MOVIMENTAVA E QUE ELE MESMO TINHA QUE SE AJUDAR, QUE ELA ATUAVA NESTA ÁREA HÁ 13 ANOS E ESTAVA CANSADA DE VER CASOS ASSIM.

   Até que em mais uma entediante passagem por mais um neurologista não me segurei e falei que não era possível, que se até pacientes em estado de câncer terminal vivam com o mínimo de qualidade de vida e controle de dor, que alguém teria que resolver, que meu pai não ia viver com dor até o fim. A neurologista falou que, pelo histórico dele, já haviam tentado de tudo na parte de neuro, ortopedia e fisiatria, que estava fora do alcance dela e que iria encaminha para um ESPECIALISTA EM DOR.

   Pronto, depois de anos sofreno em vão, na primeira consulta, o médico (que ouviu pacientemente toda nossa história) diagnosticou como sendo UM CASO CLÁSSICO DE DOR DE ORIGEM CENTRAL, CAUSADA PELA LESÃO NO CÉREBRO, TÍPICO DE AVC!!!! Na hora, não dei credibilidade, não conseguia acreditar que era assim tão simples. Nem confiei nos remédios que ele prescreveu, alguns até já usados em tentativas frustradas de outros médicos, mas não todos juntos e associados a mais um medicamento novo.

   Enfim, começamos o tratamentos sem esperança e reclamando do preço de um dos remédios que é bem caro. Foi SIMPLESMENTE INACREDITÁVEL, DEU CERTO, FOI EXATAMENTE COMO O MÉDICO DA DOR FALOU!!! A dor do meu pai sumiu assim sem mais nem menos, durante dias não conseguimos acreditar, ficamos com medo de de repente voltar aquele pesadelo todo, mas não. A dor está controlada, pelo uso dos remédios adequados. Ele tem outra vida, pararam nossas idas de emergência ao hospital. Agora ele de fato vive, pois antes apenas ficava na cama reclamando de dor, chorando, deprimido. Alguém aí já passou por isso? Alguém aí já passou por isso DURANTE 3 ANOS? Alguém tem ideia do que é SENTIR DOR DESDE O MOMENTO QUE VOCÊ ACORDA ATÉ O MOMENTO EM QUE A DOR LHE CANSA TANTO QUE VOCÊ DORME, DIA APÓS DIA, SEM INTERVALO? Meu pai, eu e  minha mãe vivemos assim durante anos, ele fez todos os tipos de exames existentes  na busca de uma origem física da dor, e esta estava lá no seu próprio cérebro o tempo todo na nossa frente e nenhum médico foi capaz de enxergar!

   Agradecemos à neurologista que foi capaz de assumir que não sabia o quê ele tinha e teve humildade de encaminhar para alguém que entendesse. AGRADECEMOS AO DR DEOCLÉCIO TONELLI, médico anestesista especializado na terapia da dor, ambos do Hospital Mário Covas, em Santo André SP.

   Os primeiros e mais importantes anos de recuperação foram perdidos, pois ele sentia tanta dor que não era capaz de se concentrar para desenvolver o trabalho de fono e de terapia ocupacional (esta última na AACD, a terapeuta não foi nada compreensiva, achava que era "manha"). A fisioterapia também foi prejudicada, muitas vezes ele saía da sessão pior do que tinha entrado (e os fisioterapeutas não entendiam o porque, tentavam de tudo... agradeço todas as tentativas).
  
  Então, era isso que eu queria compartilhar. Sei que é comum pacientes em reabilitação de AVC às vezes se entregarem,  não aceitarem a condição, arranjarem desculpas para não se esforçar, mas se você acompanha alguém assim que se queixa de dor o tempo todo, e dá para perceber que não é "manhã", e que não é uma dor "psicológica", desconfie. Corra atrás, investigue, peça várias opiniões de vários especialistas. NINGUÉM VIVE COM DOR! Não está certo, paciente de AVC NÃO "É ASSIM MESMO", como ouvi de diversos profissionais da saúde  ao longo de anos. Por que citei a AACD? Porque é um centro de referência, onde encontramos médicos e terapeutas extremamente qualificados no atendimento a estes casos, onde você espera até um ano por uma vaga para se tratar. Onde ninguém foi capaz de levantar a hipótese correta de diagnóstico, onde ouvimos apenas críticas (com a boa intensão de incentivar, creio eu), ONDE MEU PAI FOI ACUSADO DE SER ACOMODADO E DE NÃO SE INTERESSAR PELA PRÓPRIA RECUPERAÇÃO. Demos azar com a AACD? Talvez.. não me importo em saber se os médicos de lá são mesmo tão competentes como dizem ou não. Me importo em mostrar que MESMO OS MELHORES PROFISSIONAIS PODEM NÃO CONSEGUIR FAZER O MELHOR PARA UM DETERMINADO PACIENTE, ISSO NÃO DEVE SIGNIFICAR UM PONTO FINAL! Não desistam nunca, corram atrás, cobrem dos médicos, insistam, procurem, pesquisem, conversem, pois sempre HÁ UMA SOLUÇÃO! Pode não ser como a gente espera, pode não resolver na hora, mas SEMPRE HÁ COMO TRAZER CONFORTO PARA QUALQUER PACIENTE, basta querer, se interessar, ouvir, tentar. 

   Se quiserem formatar meu texto, tudo bem, se quiserem esconder a parte da AACD não me importo... apenas quero compartilhar todo esse sofrimento que, embora tenha demorado muito e desgastado a todos, embora tenham desperdiçados anos valiosos de reabilitação, chegou ao fim. Quero que, se alguém estiver passando pela mesma situação, possa agora estar informado e fale para o médico : "por favor, me encaminha pra um especialista em dor" . E que esteja ainda em tempo, e que possa ter um tratamento adequado, uma recuperação digna e um restante de vida confortável, com todas as sua limitações, mas também com qualidade de vida, sem dor, sem sofrimento desnecessário.

--
    Manuela Torres

126 comentários:

jojo disse...

Minha mãe também sofreu um avc isquêmico, e se queixa de muita dor nas pernas e na região dos quadris, foi muito importante seu depoimento pois agora vou investigar , obrigada fique com DEUS.

Anônimo disse...

sofri um avc hemorragico a 2 anos,desde que sai do hospital sofro de um dor da cabeça aos pes.so nao sinto dor quando estou dormindo.e o primeiro comentario que vejo falar desda dor.me ajudou muito.agradeço primeiramente a DEUS e segundo a voce MANUELA por me dar uma esperança.abraços desde ja agradeço.

Unknown disse...

Olá Manuela!
Meu pai também teve um avc hisquêmico e sente muita dor na perna paralisada, depois de ler seu depoimento já sei quem procurar para tentar resolver essa situação antes que se agrave mais!
Obrigada!

Luciana disse...

Oi Manuela!
Minha mãe sofre muito com essas dores , ela teve um avc há 5 mesês e se queixa muito com as dores. Queria saber qual foi o medicamento usado, pois já levamos em vários médicos e só receitam paliativos. Gostaria que você me ajudasse. Um abraço
Luciana

Anônimo disse...

Oi Manuela!
Meu pai também tem o mesmo problema que seu pai tinha.
Ele está encima de uma cama há 6 anos sentindo muito dor e o médicos falam para ele conviver com a dor. Mas como se acostumar com a dor???
Gostaria de saber qual foi o remédio que seu pai tomou, se você pode me mandar o nome do remédio, vai ajudar muito. Só nós que convivemos com pessoas com dor que sabemos o sofrimento.
Meu email é vanessaalcantarad@hotmail.com
Desde já agradeço a atenção.
Um beijo no seu coração e parabéns pelo seu pai!!!

Bia Intercessora disse...

Boa tarde,Manuela,sofri 7 avci, tenho 55 anos,0 1° em 2008,este me causou perda auditiva,do lado esquerdo, de dezembro de 2011 até agora, foram mais 6, o último foi dia 25/04/2013, a dor que sinto é lancinante, passei por inúmeros especialistas, já ouvi de tudo, até que poderia ser dor psicológica,só que faço uso de morfina a cada 4hs,ajudando com dipirona,fisioterapia 2x por semana, o médico da dor tem tentado,mas só a morfina ajuda um pouco, há dias de crise,que tenho que ir para o hospital e as vezes,ser internada,pra aliviar um pouco. A dor é semelhante a do seu pai, tbm não consigo ficar sentada por muito tempo,e agora sinto dor no braço esquerdo tbm, que foi afetado outra vez,além das isquemias,há degeneração discal,achatamento das vértebras e hérnia de disco. Só que as dores começaram em novembro de 2010, piorando muito depois das últimas isquemias. Sem menosprezar as tentativas dos meus médicos de me ajudar,gostaria, se vc puder me enviar o endereço desse médico, é mais uma alternativa pra mim,serei eternamente grata.Deus abençoe a vida de toda sua família.

Obrigada.

Bia.

Anônimo disse...

Manuela, bom dia!!
Acredito que direcionada por Deus durante busca no Google sobre dor pós avc encontrei o seu artigo.Minha mãe em Janeiro/2013 sofreu de AVC, garças a Deus recupera-se bem mais ha +/- uns 30 dias começou a queixar-se de dor. Por isso gostaria que você me informasse sobre os medicamentos prescristos pelo dr. Deoclécio ao seu pai. Tenho tentando o contato via telefone com ele mais ate agora sem sucesso.Se puder ajudar-me por favor responda-me via e-mail. Quero deixar também registrado aqui meus cumprimentos a você pela coragem em citar nomes tanto dos que ajudaram como dos que tentaram atrapalhar. Abraço,
lucienedecarvalho_2@hotmail.com

Abigail disse...

Manuela, bom dia.
Minha vó sofreu um AVC há pouco mais de um mês e estamos passando pelos mesmos problemas que você. Ela se queixa das mesmas dores intermináveis e insuportáveis e não há medicamento que dê jeito. Minha pergunta é: Vc pode informar os nomes dos medicamentos usados no seu caso pra que possamos confrontá-los com os nossos médicos? Talvez o nosso caso seja o mesmo! Agradeço sua ajuda! Saúde e sorte!

francine fran disse...

vc poderia passar o nome do médico especialista em dor ???


Marli Amorim disse...

Que a paz do Senhor esteja com vc e seus familiares Manuela.

Minha mãe tem 79 anos, é dibética há 35 anos, hipertensa, tem artrite, artrose, osteoporose e problemas de coluna. Faz tratamento aqui em Salvador na CLINICA DA DOR já tem 2 anos para esse tipo de problemas, inclusive fisioterapia. No dia 10/07/2013 às 6h da manhã, quando meu pai de 84 anos foi lhe dar a medicação deste horáio percebeu que ela não estava passndo bem. Chamou-me e eu vi que não era hipoclicemia como de costume. A língua embolada, a fala comprometida e o lado direito sem movimento. Levei-a imediatamento para o hospital e lá foi constatado que era AVCI. O cérebro foi afetado em 3/4 do total. A área era muito extensa, e ela corria risco de morte. O Chão saiu de meus pés. O sentimento de perda de entes quenridos é incontrolável. Mais a fé em Deus é maior. Pedi aos amigos pela internet que orassem pela sua recuperação. O neuro disse que dentro de 6 a 7 dias era crítico, teríamos que esperar, depois desse prazo os riscos do AVCI, agora com traços hemorrágicos depois da 2ª tomografia, iriam diminuindo, pq ela é idosa e nestes casos o idoso tem uma vantagem sobre as pessoas novas. O cérebro do ido com o passar do tempo vai diminuindo de tamanho, ao contrário do mais novos. O inchaço teve espaço para ocupar a caixa craniana. Nas pessoas com o tamanho de cérebro normal é necessário retirar uma parte da caixa craniana, guardá-la no organismo, deixando a área exposta que o inchaço se espanda.
Bem, minha mãe ficou na UTI 28 dias, teve infecção pulmonar, infecção urinária, a glicemia foi a 500mg/dL. Os médicos eram bastante atenciosos e competentes onde ela está internada, mais infelizmente não conseguiam controlar a glicemia. Foi aí que entrei em contato com a Endocrinologista dela particular que cuida dela há 30 anos. Ela se comunicou com a endocrino do hospital e resolveram o problema. Controlou a glicemia. Sai ad UTI e foi para a semiUTI. A primeira batalha foi vencida. Dias depoisapareceu na região do calcâneo uma mancha de sangue grande onde teve que ser retirada. Começa o processo da ESCARA na região do cócxis(verdadeiro sofrimento para o paciente que fica acamado por muito tempo).
Minha mãe continua lutando para sobreviver, sempre foi uma mulher guerreira, nunca deistiu de nada, mesmo tendo suas limitações: andava de bengala, perdeu 80% da visão devido ao glaucoma e a diabétis. Achei de verdade que ela não iria sobreviver depois desse ACVI.
Só que tem 3 dias que ela começou a baubuciar algumas coisas que dar para entender, e uma delas é que está sentindo dor na cabeça. Quando vi seu depoimento me interessei, pq não sei como lidar com essa doença. Para nós da família vai ser um aprendizado. Tudo o que minha mãe nos ensinou agora vamos precisar nos informar, aprender para poder ensiná-la.
Els fazia tratamento da dor como já citei, para outras doenças, só que eram BLOQUEIOS VENOSOS, não fez efeito, partiram para BLIOQUEIOS por todos os locais onde ela sentia dor. Ela entrava na clínica com dor, a mesma ficava na porta, enquanto ela tomava o bloqueio. Ao sair da clínica a dor estava lhe esperando e a levava para casa. Como vê não adiantou muito. Por esse motivo estou pedindo sua ajuda para vc me envie por e-mail a medicação que seu pai tomou para ver se é a mesma que ela tomou. Caso contrário pedir ao médico que cuida dela substituir a medicação pela do seu pai.
Agradeço de coração sua colaboração e que Deus proteja vcs.
Marli Amorim

Gabriela Manso disse...

Boa Noite!!!
Meu pai teve um AVC vai completar um ano e ele sente muita dor do lado direito que foi afetado. Gostaria de saber o nome do médico e quais foram os medicamentos receitados? Se possível responda no email Gabriela.manso@outlook.com

Obrigado, desde já Manuela.

Gabriela Manso disse...

Boa noite!!!

Meu pai sofreu um AVC vai fazer um ano e continua sentindo muita dor todos os dias no lado direito que foi afetado.
Gostaria de saber o nome do médico especialista em dor e também o nome dos medicamentos receitados para a dor. Se possível entre em contato pelo email gabriela.manso@outlook.com

Desde já agradeço.

Anônimo disse...

Manuela,
em primeiro lugar parabéns pela iniciativa de expor sua situação,porque o que mais faço desde que minha irmã de 36 anos sofreu embolia pulmonar,parada caríaca e como consequência isquemia cerebral,é pesquisar se o que ela vêm apresentando é 'normal'.Ela grita,geme(mesmo com a tráqueo)o dia todo,a toda hora.Mas como ela não consegue se comunicar e nem se mexer,pelo menos 1 dedinho,não sabemos se isso é alguma sequela,como os médicos dizem.
Ela grita,geme e se contorce,mas não cai lágrima,por isso ele dizem que deve ser um espasmo.Mas para a família é indecente assistir a tudo isso achando que é tudo normal.O seu pai se queixava de dor no quadril,ou o médico especialista em dor fez algum exame específico na área pra diagnosticar?
Aguardo anciosamente sua resposta...

Nani disse...

Oi Manuela.
Devido ao um AVC, minha maãezinha também está com dores no braço e perna direita. Lendo seu depoimento gostaria que me dissesse qual o medicamento que seu pai usou, talvez possa conversar com nosso médico sobre isso. Fico no aguardo e desejo melhoras a seu pai.
elianepportugal@gmail.com

Abraços e fica com DEUS.
Eliane

Rosângela disse...

Rosangela pede por favor...

olá manuela, minha mãe tb. teve um avc e tem muita dor nas pernas,
vc. poderia passar o nome dos remédios...meu email é rmonteiro2004@hotmail.com, que Deus te abençõe...bjs.

Adriana Correa disse...

Por favor me diga qual foi o medicamento q seu pai usou amiga minha mãe sofre ha 10 anos n sabemos maid o q fazer

Danielle disse...

Olá Emanuela,
Meu pai tem sentido a mesmas dores, é possível que você encaminhe por e-mail o nome da medicação para que eu possa conversar com o médico. Agradeço o relato!

e-mail: danielllemacedo@gmail.com

Abraços

Danielle disse...

Olá Emanuela,
Meu pai tem sentido as mesmas dores, se possível for gostaria que encaminhasse por e-mail o nome da medicação, para que eu tenha mais propriedade ao relatar com o médico as possibilidades.
Agradeço pelo relato,

E-mail: danielllemacedo@gmail.com

Abraços!

Anônimo disse...

Olá Emanuela,

Agradeço o relato, meu pai tem sentido as mesmas dores e não tem sido fácil, gostaria de saber se é possível compartilhar por e-mail o nome das medicações, para que eu tenha maior propriedade ao relatar com o médico a possibilidades.

e-mail: danielllemacedo@gmail.com

Abraços!

victor hugo oliveira ferreira disse...

Olá Manuela, meu sogro teve um AVC e ele já era paraplégico, perdeu a fala e o movimento do braço direito, que sente dores o tempo inteiro, se possível me passe por e-mail os medicamentos q foram receitados para seu pai, victor_hof@hotmail.com obrigado.

victor hugo oliveira ferreira disse...

Olá Manuela, meu sogro teve um avc isquêmico e ele já era paraplégico, agora ele além das pernas que já não tinha movimento, está com o lado direito paralisado, ele perdeu a fala e geme muito de dores no braço, vc poderia me passar quais medicamentos foram receitados para seu pai para que eu posso ver se é possível ser compatível com meu sogro? Meu e-mail é victor_hof@hotmail.com Obrigado

victor hugo oliveira ferreira disse...

Olá Manuela, meu sogro teve um avc isquêmico e ele já era paraplégico, agora ele além das pernas que já não tinha movimento, está com o lado direito paralisado, ele perdeu a fala e geme muito de dores no braço, vc poderia me passar quais medicamentos foram receitados para seu pai para que eu posso ver se é possível ser compatível com meu sogro? Meu e-mail é victor_hof@hotmail.com Obrigado

Anônimo disse...

Oi manuela,
meu pai esta passando pelo mesmo problema já faz 01 ano. Faz tratamento com neuro especialista em dor mas não está adiantando, várias medicações já foram tentadas e melhora muito pouco. Se puder mandar o nome dos remédios pelo e-mail para eu ver com a médica dele agradeço. jap.lopes@globo.com
José

Isabel Pra Baldi disse...

Oi Manuela!
Meu pai teve um AVC vai completar dois anos e ele sente muita dor do lado esquerdo que foi afetado. Estou passando por tudo isso como no seu relato. Gostaria de saber um vez que o médico citado faleceu a quem vcs recorreram e quais foram os medicamentos receitados? Se possível responda no email prabaldiisa@gmail.com
Obrigada.

Anônimo disse...

Oi Manuela, o meu marido sofreu também um AVC esquemico após sofrer 3 infartos e colocar 2 safenas e uma mamária. Isto tudo ocorreu em março de 2014 e até hoje após tantos médicos consultados ele reclama muito de dor nas pernas. Querida vc poderia me passar por e-mail o nome dos medicamentos que seu pai toma para dor, pois sou do RS e não poderei levá-lo até ai. Mas fique tranquila que não darei os remédios que me enviares os nomes, sem antes falar com o neurologista e o cardiologista dele ok? Segue abaixo o meu e-mail. Desde já te agradeço e peço a deus que te abençoe sempre. vylma.mach@gmail.com

Anônimo disse...

Oi Manuela, o meu marido sofreu também um AVC esquemico após sofrer 3 infartos e colocar 2 safenas e uma mamária. Isto tudo ocorreu em março de 2014 e até hoje após tantos médicos consultados ele reclama muito de dor nas pernas. Querida vc poderia me passar por e-mail o nome dos medicamentos que seu pai toma para dor, pois sou do RS e não poderei levá-lo até ai. Mas fique tranquila que não darei os remédios que me enviares os nomes, sem antes falar com o neurologista e o cardiologista dele ok? Segue abaixo o meu e-mail. Desde já te agradeço e peço a deus que te abençoe sempre. vylma.mach@gmail.com

Vilma Machado de Oliveira disse...

Oi Manuela, o meu marido sofreu também um AVC esquemico após sofrer 3 infartos e colocar 2 safenas e uma mamária. Isto tudo ocorreu em março de 2014 e até hoje após tantos médicos consultados ele reclama muito de dor nas pernas. Querida vc poderia me passar por e-mail o nome dos medicamentos que seu pai toma para dor, pois sou do RS e não poderei levá-lo até ai. Mas fique tranquila que não darei os remédios que me enviares os nomes, sem antes falar com o neurologista e o cardiologista dele ok? Segue abaixo o meu e-mail. Desde já te agradeço e peço a deus que te abençoe sempre. vylma.mach@gmail.com

Anônimo disse...



Você postou seu depoimento em 2012. Hoje passados dois anos, os médicos continuam sem nenhum preparo! Minha mãe sofreu um avc isquêmico há 7 anos, Agora sofre o mesmo mal de extrema dor nas pernas e na região dos quadris, exatamente como seu pai os médicos estão totalmente perdidos. Minha mãe tem 87 anos e não suporta mais essa dor tão forte. Gostaria de saber o nome dos medicamentos para levar para o médico para poder aliviar o sofrimento de minha mãe, por favor: meu e-mail é rosangela.ginha@hotmail.com

Anônimo disse...

Manuela torres, bom dia
eu estou passando pelo mesmo problema em que minha esposa está sofrendo com uma dor causada pelo avc.
Com tantos tratamentos com neurologista nenhum deles ate agora não conseguiu descobrir a causa das dores que sente desde que acorda ate a hora de dormir.Vou pedir na próxima vez que for ao neuro um encaminhamento para um especialista em dor. Ela esta nessa situação desde 20/02/2014 ate o dia de hoje não encontraram um remédio para diminuir essa dor. Obrigado por nos lembrar para pedir ao neuro por um outro especialista.

Anônimo disse...

Devido ao um AVC, minha esposa também está com dores no braço e perna esquerda. Lendo seu depoimento gostaria que me dissesse qual o medicamento que seu pai usou, talvez possa conversar com nosso médico sobre isso. Fico no aguardo e desejo melhoras a seu pai.Meu e-mail paulopb_2007@hotmail.com.

Mara disse...

Olá Rosangela a Manuela respondeu seu pedido?

Mara disse...

Olá Rosangela,a Manuela respondeu seu pedido?

Mara disse...

Olá Manuela, minha mãe teve um avc, e tem exatamente o mesmo sintoma do seu pai ,dor 24 hs , e os médicos falam a mesma coisa Q falavam p seu pai ,vi Q o médico Q resolveu o problema do seu pai faleceu,ia marcar uma consulta com ele,vc pode me falar qual foi o remédio q ele receitou para seu pai ? Vou comentar com o neuro dela , se puder me ajudar ficarei eternamente grata, pois o sofrimento é muito grande. Meu email carvalhomara2006@hotmail.com.obrigada. Mara

Anônimo disse...

Olá Manuela!
eu sofri um avc isquemico aos 45 anos, em consequência de um acidente de viação onde fracturei a coluna...apesar da fisioterapia, estou a ficar com dores cada vez mais fortes no quadril e perna direita e toda a gente desvaloriza. Obrigada por seu blogue e por me fazer sentir que não estou louca. Será que me podia indicar que medicamentos foram indicados, para eu falar com um médico? Meu email é rodalareq@gmail.com
obrigada por tudo!

Anônimo disse...

Oi Manuela li sobre que vc escreveu sobre as dores que seu pai sentia depois de um avc pois minha mae sofreu um avc ja fas quase 2 anos que ela sofreu e hoje tem muita dor igual de seu pai e os médicos disem que tenque conviver com isso voçe não poderia dar o nome do remédio que seu pai usou se puder me adiciona no facebook ->https://www.facebook.com/rosane.schiavi

Anônimo disse...

Olá Manuela meu marido sofreu um avci e sofre c fortes dores ni braço vc poderia me iformar o nome do medicamento utilizado desde já obrigada segue meu e mail sorayalima_29@hotmail.com

fabrisia disse...

Oi Manuela!

Meu marido sofreu um avc há 6 meses. Está sentindo muita dor e toma medicamentos que até agora não conteve por completo as dores. Vc poderia me mandar o nome dos medicamentos que seu pai tomou? Meu e-mail é:fabrisiacaropreso@gmeil.com
Vou ficar esperando ansiosa que entre em contato comigo.
Obrigada por dividir com outras pessoas este momento difícil que está passando e se preocupando com outras pessoas que estejam com o mesmo problema. Que Deus abençoe sua família. Um abraço

Cezar Jorge disse...

Manuela!
Sofri um AVC isquêmico em 24/9/2014. Tenho minha parte esquerda paralisada e sofro com muitas dores, em todo periodo de 24 hs. Gostaria de saber o nome do remédio e qualquer ajuda é sempre bem vinda, quando tenho somente paliativos do meu sofrimento. Ajude-me porfavor. Agradecido .Meu e-mail é cezarjorge2014@gmail.com.
Que Deus esteja sempre conosco.

silvia disse...

Manoela eu te emploro me mande o nome deste remédio pois já não durmo a noite ,minha mae grita de dores e já não sei oque fazer por favor me ajude silviadriana.2004@hotmail.com

Anônimo disse...

Manuela, pelo amor de Deus! me passe o nome desse remedio por email: luzenilda.sousa@outlook.com
Que Deus te pague!!

Anônimo disse...

Manuela, pelo amor de Deus! me passe o nome desse remedio por email: luzenilda.sousa@outlook.com
Que Deus te pague!!

Celle disse...

Oi, Boa noite!
Manuela, eu tive um avc há 5 meses e sinto muitas dores na perna e no braço direito, nenhum remedio melhora. Vc poderia me passar o nome do remédio para eu levar até o meu médico? Não aguento mais, por favor!
meu e-mail
zuzukatrix@yahoo.com.br
estou aguardando

Celle disse...

Oi, Boa noite!
Manuela, eu tive um avc há 5 meses e sinto muitas dores na perna e no braço direito, nenhum remedio melhora. Vc poderia me passar o nome do remédio para eu levar até o meu médico? Não aguento mais, por favor!
meu e-mail
zuzukatrix@yahoo.com.br
estou aguardando

Celle disse...

Alguém aqui foi respondido pela Manuela???
Meu e-mail é zuzukatrix@yahoo.com.br

Jorge disse...

Bom dia Manuela, tentei contato como Dr. Deoclecio, infelizmente ele faleceu, seria possivel me fornecer o nome do remédio, pois minha mae tambem tem os mesmos sintomas e esta sofrendo muito.
Deus te ilumine.
jorgefontolan@yahoo.com.br

Anônimo disse...

Manuela assim segue com minha mãe..a quase 3 anos...nenhum medico acha a cura...minha mãe so tem paz deitada..e pior que isso so deitada tdo para...alguem sabe de algum especialista em Porto Alegre??? kelenlee@yahoo.com.br

Anônimo disse...

ola Manuela ! meu pai sofreu um avc a 2 meses , e esta com uma dor mt forte nas pernas , costas , e nada tira essa dor.Gostaria que voce me mandasse o nome do medicamento que vou ao neurologista e cnv com sobre. poderia me fazer essa favor poq a cituacao nao esta boa .deste intao obrigado boa noite lenita. sharon_rezende@hotmail.com

Anônimo disse...

Minna Mae tambem sofreu um AVC. Ela vem sofrendo com dores has pernas. Meu email e mrcabral@hotmail.com. Obrigado Manuela.

Anônimo disse...

ooi Manuela, meu pai sofreu um avc isquemico ano passado. depois que voltou a andar ele sente muitas dores no quadril... vc pode me falar o nome do remedio? meu email eh farnesi.iara@gmail.com

Mário Aliatar Borges Fº disse...

Ola Manuela, meu pai passa pela mesma situação. Você poderia, por favor, me passar o nome deste remédio! Grato. Aliatarbf@gmail.com

Dédih disse...

Boa noite Manuela estou na mesma situação .que vc estava com seu pai. Minha mãe teve AVC do lado direito e sente muita dor é muito triste ver ela chorar de dor todos os dias, ela toma tres remédios Gabapentina por dia de 300ml sem solução e foi receitado pelo médico da dor aqui em curitiba. Não sabendo mais o que fazer resolvi procurar algo no google e me deparei com seu depoimento falando do sofrimento que passou durante tres anos com seu pai.Então vi que muitos estão te pedindo o medicamento que o médico passou para seu pai pois também não me conformo de ver minha mãe nessa situação e resolvi te pedir o favor se possível me passar o nome desse medicamento para que eu fale com o médico neuro dela. desde ja agradeço a atenção e peço a deus que abençoe vc e sua família grandemente. Meu email- dinie_barros@hotmail.com

Anônimo disse...

Boa noite Manuela estou na mesma situação .que vc estava com seu pai. Minha mãe teve AVC do lado direito e sente muita dor é muito triste ver ela chorar de dor todos os dias, ela toma tres remédios Gabapentina por dia de 300ml sem solução e foi receitado pelo médico da dor aqui em curitiba. Não sabendo mais o que fazer resolvi procurar algo no google e me deparei com seu depoimento falando do sofrimento que passou durante tres anos com seu pai.Então vi que muitos estão te pedindo o medicamento que o médico passou para seu pai pois também não me conformo de ver minha mãe nessa situação e resolvi te pedir o favor se possível me passar o nome desse medicamento para que eu fale com o médico neuro dela. desde ja agradeço a atenção e peço a deus que abençoe vc e sua família grandemente. Meu email- dinie_barros@hotmail.com

Anônimo disse...

Por favor ajude meu esposo tambem teve avc esquemico e sente muita dor chega chora de tanta dor nao sei mais o que fazer procurei o medico que seu pai se trator dotor dioclécio mas infelismente ele ja faleceu se eu sobesi pelomenos o nome do remedio todos medicos que vou fala a mesma coisa que com o tempo vai passar o meu hotmail e esse se poder mim ajudar te agradeco:selmir.miih@hotmail.com

Anônimo disse...

Meu Deus, a minha mãe também sofreu um AVC faz 2 meses mas ainda esta no hospital. Ela consegue se queixar de dor. Não sei mais o que fazer. Será que a Manuela vai dar alguma resposta para alguém aqui? Por favor !!

edvania santos disse...

ed-livre @hotmail.com, preciso do nome desses medicamentos para o médico analisar para meu pai ,por favor.

edvania santos disse...

Também preciso do nome desses medicamentos, para meu pai, por favor, ed-livre@hotmail.com

Anônimo disse...

Celle, Manuela de respondeu, estou com meu irmão na mesma situação no momento. Ele tá internado e sofrendo muito. Como faço pra entrar em contato com ela, você sabe.

Anônimo disse...

Manuela, por favor, eu te peço encarecidamente, quem é o médico, e quais foram as medicações, meu irmão está internado sofrendo muito com essa dor do lado direito que deu o AVC, já vai fazer um ano que ele sofre com essa dor, já levei pra todo médico que você imaginar, pelo amor de Deus, nos ajudem, estamos sofrendo muito. Meu email é: elisangelasds @hotmail.com
Pelo amor de Deus, alguém aí me ajude a achar Manuela, ou se ela já respondeu pra alguem, entrem em contato comigo.

ROSA ZAGANINI disse...

Oi Manuela;boa tarde!
Meu nome é Rosa,tive um avc isquemico a 8 meses agora sinto dores no quadril e perna direita,gostaria de saber o nome do remedio que foi indicado para o seu pai,quero levar o nome para meu medico? Quero voltar a dormir bem como antes,antes do avc
Deus a abençoe!!!!!!!!!!!!!!
Meu e mail é mr.zaganini@bol.com.br

ROSA ZAGANINI disse...

Oi Manuela;boa tarde!
Meu nome é Rosa,tive um avc isquemico a 8 meses agora sinto dores no quadril e perna direita,gostaria de saber o nome do remedio que foi indicado para o seu pai,quero levar o nome para meu medico? Quero voltar a dormir bem como antes,antes do avc
Deus a abençoe!!!!!!!!!!!!!!
Meu e mail é mr.zaganini@bol.com.br

ROSA ZAGANINI disse...

Oi Manuela;boa tarde!
Meu nome é Rosa,tive um avc isquemico a 8 meses agora sinto dores no quadril e perna direita,gostaria de saber o nome do remedio que foi indicado para o seu pai,quero levar o nome para meu medico? Quero voltar a dormir bem como antes,antes do avc
Deus a abençoe!!!!!!!!!!!!!!
Meu e mail é mr.zaganini@bol.com.br

ROSA ZAGANINI disse...

Oi Manuela;boa tarde!
Meu nome é Rosa,tive um avc isquemico a 8 meses agora sinto dores no quadril e perna direita,gostaria de saber o nome do remedio que foi indicado para o seu pai,quero levar o nome para meu medico? Quero voltar a dormir bem como antes,antes do avc
Deus a abençoe!!!!!!!!!!!!!!
Meu e mail é .mr.zaganini@bol.com.br>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>><<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

Anônimo disse...

Qual foi essa medicaçao ? Fala ai.

maria disse...

Pessoal vcs conseguiram o nome do remédio?

maria disse...

Pessoal vcs conseguiram o nome do remédio?

maria disse...

Pessoal vcs conseguiram o nome do remédio?

maria disse...

Pessoal vcs conseguiram o nome do remédio?

maria disse...

Pessoal vcs conseguiram o nome do remédio?

Anônimo disse...

Ola manoela minha vo tambem esta na cama a 7 anos.com muita dor poderia me informar sobre o nome do remedio que ela tomou
email.soterovalpassos @bol.com.br

Anônimo disse...

Oi, Bom dia!
Manuela, a minha mãe sofreu avc isquemico, segundo o medico foi pequeno, há 1 semana e sente muitas dores nas pernas e nos braços e quadris. Vc poderia me passar o nome do remédio para eu levar até o médico dela? Aqui não tem especialista em dor, por favor!
meu e-mail
crismaninha2004@gmail.com.br
Desde já agradeço.

Hallison Machado disse...

tenho 67 anos e sofri um avc a dois anos,desde então sofro uma dor no lado direito do corpo.Manuela se voçe puder me ajudar fornecendo o nome do médico e dos rémedios,pois não estou suportando mais as dores.Pelo amor de Deus me ajude.

Izaias De Oliveira Machado

Hallison Machado disse...

Boa noite Manuela, sofri um avc a dois anos e sinto uma dor insuportavel em todo meu lado direito e principalmente na perna já consultei varios medicos mais nada resolveu gostaria de saber se voçe pode enviar o nome do medico e dos remedios que curou seu pai pois eu não aguento mais.
Izaias de Oliveira Machado

Anônimo disse...

Boa noite Manuela sofri um avc a dois anos e sofro uma dor insuportavel no lado direito principalmente nas pernas e quero saber o nome do medico e do remedio que curou seu pai pois não aguento mais essa dor.

Izaias de Oliveira Machado

Andreia crys disse...

Manuela...por favor eu gostaria de saber o nome do remédio (s).
Tbem passo por essa situação.

vc falando levarei para meu médico autorizar e prescrever, pois aki em minha cidade não tem médico de dor. especializado.
somente ortopedista e neuro.

aguardo. Meu email
dreia_crys@hotmail.com

Obrigada
que Deus te abençoe muito.

Andreia crys disse...

Oi Manuela. por favor.preciso dos nomes dos medicamentos.
tbem passo por esse problema.
se vc pudar me passar eu levarei pro meu médico autorizar e prescrever.
por favor nos ajude.

email.
dreia_crys@hotmail.com

Anônimo disse...

Oi,vi todos os comentários e também passo com esse mesmo problema com meu pai, se alguem teve seu email respondido, por favor me encaminhem, soniapaiva@hotmil.com . obrigada

Marco Tullio Lio disse...

Meu pai sente à mesma dor que o seu, entrei na internet e fiquei sabendo que o Dr Deoclecio Tonelli faleceu. Gostaria de saber o nome dos medicamentos que seu pai usa para comentar com meu médico que também é especialista em dor. Estamos passando pelo mesmo problema que você passou. Aguardo uma resposta o mais rápido possível. Obrigado
mtlio@hotmail.como

Tullio Lio disse...

Manuela sei que provavelmente vc não ira responder este solicitação pois verifiquei que a ultima postagem já tem um bom tempo.

Quero te pedir uma luz, uma ajuda, um favor, uma esperança, meu avo fez um cirurgia cardíaca e durante a cirurgia teve um avc isquêmico, desde então vem sofrendo com dores inexplicáveis como você fala em seu depoimento, passamos noites a fio acordados com ele sofrendo de dor, e de partir o coração, precisamos de uma luz, queria saber se você poderia nos passar o nome do remédio que seu pai tomou, para podermos levar em algum medido e mostrar, precisamos de uma luz no fim do túnel. Se alguém ler este depoimento e se endetificar e tiver os nomes do remédio entrem em contato pelo amor de Deus, 31 8395-7919 claro zap. 31 3332 8515 fixo. Pode me procurar Tullio ou Maria Madalena " LENITA " Minha mae

Anônimo disse...

Boa tarde,

parece que a história se repete. Dores e ninguem sabe como tratar. peço que se você puder passar o nome do remédio, vou checar com o médico de meu marido.
Segue meu contato
eloisa.bombonatti@gmail.com

Vanessa R. disse...

Alguém sabe o nome do remédio??? Por favor?

Vanessa R. disse...

Alguém poderia por favor dizer o nome do remédio???

Vanessa R. disse...

Alguém sabe o nome do remédio??? Por favor?

Thiago disse...

Manuela estou passando pelos mesmos problemas por favor si possível entre em contato comigo ou si alguem conseguiu os nomes dos remédios por favor entrem em contato meu cel whats e 17 992702464 obrigado

gildo pinheiro disse...

Manuela pedimos por favor, sua ajuda, temos em nossa casa uma vítima do avc, o qual sofre dia e noite com dores horrendas, que nos parte o coração em vê-lo agonizando em dor e ouvindo seus gritos desesperados por uma solução sofremos junto a ele tentando acalenta-lo, porém sem sucesso.

Venho pedir-te, tua ajuda por favor, nós íamos procurar o médico citado por você no outro dia que li aquele artigo, porém vi nos comentários que o Dr. Deoclécio Tonelli já é falecido, por favor, nos ajude, tenho absoluta certeza que o autor deste artigo é uma pessoa de um imenso e generoso coração e assim sendo, escrevo estas linhas com o coração um pouco confortado sabendo que do outro lado há uma pessoa solidária a nossa dor.


ps.
Se qualquer pessoa que vê esse artigo puder de alguma maneira me ajudar, seja me passando os nomes dos remédios para que eu mostre ao médico, seja por outra forma fico inteiramente agradecido.

eliana Silva disse...

Favor me mostrar os remédios,tipo de tratamento.Não aguento mais,há 4 anos e meio.Sou chamada por muitos de maluca,que se trata de problema psicológico.Aguardo retorno.Diagnostico de AVC. isquêmico diagnosticado.Grata Eliana.

Anônimo disse...

Boa noite, Manuela
Entrei em contato com o hospital, e informaram que Dr. Deoclecio faleceu. Temos um familiar que teve AVC e senti muitas dores na perna. Por favor, poderia nos informar os nomes dos remedios, pois estamos sofrendo muito. Deus abençoe e ilumine sua vida.
Contato: claudiacarvalho71@yahoo.com.br
Muito obrigada

Silvia Rabello disse...

Bom dia a todos..
Tbm fui vitimada por um maldito AVC isquêmico em
19/05/2011 aos 42 anos e por incrível que pareça, segundos os médicos era para ter ficado numa cama ou morrido, sai do hospital SEM sequelas mas após 6 meses para minha tristeza meu pé começou a contrair, adquirindo espasticidade.. desde então convivo com isso mas me entristeceu muito e ainda para piorar a situação estou com uma sequela tardia se AVC no dedinho da mão, dobrou a ponta e dói demais o dedo e agora o braço tbm.
Sofro TODOS OS DIAS com muita dor!!
Tbm gostaria de saber quais remédios foram receitados para seu pai e levar ao meu neurologista que já me receitou vários, faço fisioterapia e não está adiantando.
Deprime muito sentir dores todos os dias.. uma eterna luta contra vc mesma e o pior as pessoas não entendem, não acreditam e não ligam!!!

Anônimo disse...

Alguém que pediu o nome do medicamento recebeu resposta? Estou passando pelo mesmo problema com minha mãe. Att Dayse Aguiar

Anônimo disse...

Boa tarde meu tiu teve um avc esta gemendo de dor dia e noite queria saber o nome do remédio se puder me ajudar agradeço fique com Deus. paulohtt@hotmail.com

Rangeu Silva disse...

Oi, Manuela vi o seu desabafo no artigo que postou, e muito me encorajou a continuar procurando soluções para as dores que também por causa de avc que minha esposa sofreu a 5anos.

Anônimo disse...

Alguém poderia me enviar o nome desses remédios por favor, ( wanderson7731@gmail.com )

Milene disse...

Olá Manuela,

Vi a sua postagem já faz um tempo, mas agora decidi te perguntar uma coisa. Tive um AVCI há 3 anos com 37 anos. Tenho uma sequela de dor muito forte na perna esquerda e gostaria que você me falasse o médico da dor que atendeu seu pai.

Muito obrigada pela ajuda, você não imagina o quanto isso é importante para mim.
Meu email é milene.ciarallo@ig.com.br

Raquel Primila disse...

Oi por favor pode me passar o nome do medicamento pois minha mãe senti muitas dores nas pernas e braços raquelprimila @hotmail.com

emerson ferreira disse...

Gente bom dia alguém sabe o nome do remédio?
Poderiam me ajudar enviando por email?
Que o Senhor Jesus os abençoe ...
emerson_ejuliana@hotmail.com

miriam pereira disse...

Gostaria de saber o nome dos medicamentos que seu pai usou estou com minha mãe om o mesmo problema por favor. Aguardo uma resposta o mais rápido possível. Obrigado
Miriam
miriampereira1960@gmail.com

vera lucia disse...

Por favor me passa o remedio ki seu pai tomou, meu pai esta internado com muita dor me ajudar por favor.
e-mail; veralucia70@hotmail.com

vera lucia disse...

Oi me ajuda me passa a receita ki seu pao tomou., meu pai reclama de dor.

veralucia70@hotmail.com

joelma almeida disse...

Realmente todos nos temos a conciência de qualquer tipo de dor não é façil Principalmente neste caso.Entaõ agradeço seu depoimento.

Anônimo disse...








































gratidão eterna Manuela, desde que AVC no ano de 2009 sempre tive dor crônica em todo lado esquerdo,tomei vários medicamentos sem resultado agradeço novamente pois agora vou procurar um médico dor

Anônimo disse...








































gratidão eterna Manuela, desde que AVC no ano de 2009 sempre tive dor crônica em todo lado esquerdo,tomei vários medicamentos sem resultado agradeço novamente pois agora vou procurar um médico dor

Therezinha B onow disse...

gratidão eterna Manuela, desde que AVC no ano de 2009 sempre tive dor crônica em todo lado esquerdo,tomei vários medicamentos sem resultado agradeço novamente pois agora vou procurar um médico dor

Thaís Januária disse...

Oi Manuela,minha mãe sofreu avc isquemico a 6 anos e sofre de muita dor e eu não aguento mais vê ela sofrer,ai vi seu depoimento e vi q o seu pai sofria como minha mãe sofre,tem como vc me dizer o nome dos medicamentos ou o especialista q vc levou seu pai. Meu email é thaisjanuaria89@Gmail.com
Por favor me ajuda ela está sofrendo muito isso parte meu coração. Deus te abençoe

Maria Lenir Oliveira Silva disse...

Acho que essa Manuela nem existe. Pois diante de tantos relatos dolorosos ela não teve a mínima compaixão de dar ao menos uma resposta!

Anônimo disse...

Se você realmente existe Manuela, seja misericordiosa e responda pelo menos as perguntas feitas por tantas pessoas que estão sofrendo!!

Maria Lenir Oliveira Silva disse...

Acho que essa Manuela nem existe. Pois diante de tantos relatos dolorosos ela não teve a mínima compaixão de dar ao menos uma resposta!

Anônimo disse...

Responda Manuela!!!

Anônimo disse...

Olá manuela!!!

Me identifiquei muito com o seu caso , pois passo o mesmo problema com minha mãe gostaria muito de saber qual rémedio o medico lhe receitou e poder falar com o medico dela me ajude por favor só Deus sabe a dor que ela sente e o que ela passa. Meu email eli_takii@yahoo.com.br

Anônimo disse...

Boa tarde Manuela, vc poderia me passar qual foi o medicamento usado,pois infelizmente o Dr Deoclecio faleceu, e ai iria passar pelo neurologista que cuida da minha mãe pra ver se ele autoriza. Desde já agradeço crica_r3@hotmail.com, Cristiane

Anônimo disse...

Boa noite pessoal,alguém conseguiu respostas da Manuela?
Estou na situação de todos,louco pelo nome desse "bendito" Remédio,quem conseguiu retorno da Manuela por favor me ajudem,ficarei bastante agradecido!

arturmarciosilvalima@gmail.com

Ou

llaryssakelley@gmail.com

Anônimo disse...

Boa tarde pessoal,esse texto ou é um Fake ou uma mentira dE mal gosto!
Essa Manuela não têm noção da maldade que fez em postar esperanças fraudulentas,mentirosa...
O texto fala uma bela história e o principal o nome do Remédio não fala...
Meu Deus têm Misericórdia de todos nós!

Anônimo disse...

Boa noite Manuela.
Meu pai está em uma situação parecida. Teve AVC e tem dores na cabeça.
Poderia por favor compartilhar o remédio receitado para q leve ao médico dele para ver a possibilidade de seu uso.
Obrigado.
Contato:
faelcoentrao@hotmail.com
ABS'
Rafael

Unknown disse...

Boa noite Manuela e a todos que estão passando pela mesma situação. Há 3 meses minha irmã sofreu um AVC isquêmico e desde então as dores de cabeça iniciaram e não passam com nenhum tipo de medicação. Já levamos em dois especialistas porém eles falam que não há o que fazer, o jeito é ficar como está! Mas eu e minha família não estamos mais aguentando ver minha irmã gemendo chorando dia e noite sem parar. Na semana que vem vamos leva-la a outro médico, gostaria de saber quais são essas medicações que podem mudar a vida de muitas pessoas e seus familiares que também sofrem muito essa situação. Por favor me passem o nome dos remédios!!! Meu e-mail para contato é: jocileia-rocha@hotmail.com


Att,
Jocileia

Jô Rocha disse...

Boa noite Manuela e a todos que estão passando pela mesma situação. Há 3 meses minha irmã sofreu um AVC isquêmico e desde então as dores de cabeça iniciaram e não passam com nenhum tipo de medicação. Já levamos em dois especialistas porém eles falam que não há o que fazer, o jeito é ficar como está! Mas eu e minha família não estamos mais aguentando ver minha irmã gemendo chorando dia e noite sem parar. Na semana que vem vamos leva-la a outro médico, gostaria de saber quais são essas medicações que podem mudar a vida de muitas pessoas e seus familiares que também sofrem muito essa situação. Por favor me passem o nome dos remédios!!! Meu e-mail para contato é: jocileia-rocha@hotmail.com


Att,
Jocileia

Daiane Partezani disse...

Oi Manuela, minha mãe teve derrame a 8 meses, e sofre muito com dores insuportáveis,falaram que depois de 6 meses a dor passaria e nada de passar. Já não sei o q fazer,por favor me passa o nome desses remédios, meu email: juliana_souza_partezani@hotmail.com

Marah Lopes Araújo disse...

Olá boa noite! Desculpe responder no seu comentário, mas eu não consegui enviar para Manuela. Meu nome é Mara, tenho 28 anos, mas com 23 anos em um ano eu tive um Avc insquemico em Janeiro de 2012 e em agosto uma trombose venosa cerebral (dois avc) hemorrágica e insquemico....em 2014 tive outra recorrência,desde então eu sempre me sinto cansada, eu acordo cansada, durmo cansada e se não durmo bem eu fico extremamente exausta... eu não consigo sair, quando saio com o meu noivo sempre tem que ser em lugar que possamos sentar e mesmo assim, por pouco tempo....já fui para reumatologista e fiz exames para saber se tenho fator reumatoide, mas está tudo bem... tenho certeza que não nada da minha cabeça, mas o cansaço é grande, e as vezes faço caminhada e fico pior, muitas dores mas pernas, na cabeça, chego a chorar principalmente por conta das pernas que doem muito....tem dias que vegeto! Na faculdade eu fico inquieta só Deus sabe o meu esforço... choro, não sei mais o que fazer....por favor poderia me falar a especialidade do médico que vc levou o seu pai?
Eu agradeço muito!
Eu não sei mais o que fazer!

Obrigada

Meu face Marah Lopes
E-mail. maraharaujo2012@gmail.com

Marah Lopes Araújo disse...

Oi Manuela meu nome é Mara, tenho 28 anos, achei muito interessante a história do seu pai,parece muito com o tenho vivido. Em Janeiro de 2012 tive uma Avc isquemico e me recuperei em dias, porém no mesmo ano tive a TVP (trombose profunda cerebral) fiquei alguns meses internada, mas fisicamente consegui me recuperar em 3 meses, só o neurológico a gente fica um pouco com ansiedade, medo e insônia eu tenho ainda um pouco disso até hoje. Em 2014 tive nova recorrência mas fiquei bem.... eu tinha acompanhamento com o hematologista e neurologista, e tomava algumas medicações e ainda o anticoagulante, e sempre estava com sono, cansada e cheia de dores.... eu parei de tomar pois achava que era os remédios,.menos o anticoagulo o qual até hoje ainda uso. Mas tem dias que estou cansada e em outros, estou extremamente exausta.... muitas dores, cansaço, sempre estou indo na emergência, tomo remédios e nada ameniza.... as vezes vegeto,pois tem dias que nem da cama consigo sair. E assim eu ia para a faculdade e ficava inquieta,eu fui para a reumatologista e fiz alguns exames para saber se tinha fator reumatoide,mas nada....já fiz tantos exames, as vezes fico com vergonha, de pensarem que estou so fingindo, só digo que é desesperador! Quero trabalhar,estudar, quero ser normal é o que mais quero.... que bom que seu pai está bem! Fico feliz por ele.... gostaria de saber se poderia passar o nome do médico especialista de dor, eu quero muito .... tenho me sentido mal, muito mal, mas não perdi a esperança de um dia poder melhorar e ficar bem para fazer o que tanto desejo, trabalhar e estudar, ajudar as pessoas que eu gosto.

Obrigada!

E-mail maraharaujo2012@gmail.com
Face Marah Lopes

JOSEBIAS BRANDÃO DE MELO disse...

Olá
Sofri um ABC Ja 7 anos e sinto muitas dores do.lado esquerdo perna e braço. ..teria como me passar os remédios q seu pai tomou para a eu possa conversar com meu médico sobre o uso?

hhsilva.2011@gmail.com

Valéria disse...

A Manuela respondeu alguém?
Meu pai teve um avc isquemico e no começo ele não sentia dor, mas de uns dias pra cá anda tendo muita dor, está tomando vários remédios por dia mas nada faz passar a dor, por favor me ajudem alguém conseguiu com a Manuela o nome do remédio pra eu comparar se ele já está tomando ou fala pro médico sobre. Não sei mais o que fazer.
Já está sendo difícil a recuperação pq ele não está enchergando direito não está sentindo o lado direito do corpo e
Não está ouvindo tbm agora com a dor fica mais difícil. Peço mais uma vez pode favor me ajudem. Meu email é
valeriacaetano@ymail.com

Valéria disse...

A Manuela respondeu alguém?
Meu pai teve um avc isquemico e no começo ele não sentia dor, mas de uns dias pra cá anda tendo muita dor, está tomando vários remédios por dia mas nada faz passar a dor, por favor me ajudem alguém conseguiu com a Manuela o nome do remédio pra eu comparar se ele já está tomando ou fala pro médico sobre. Não sei mais o que fazer.
Já está sendo difícil a recuperação pq ele não está enchergando direito não está sentindo o lado direito do corpo e
Não está ouvindo tbm agora com a dor fica mais difícil. Peço mais uma vez pode favor me ajudem. Meu email é
valeriacaetano@ymail.com

Adriana Cristina Dias disse...

Conheci uma pessoa muito especial e está pessoa passa por uma situação parecida ,como você mesmo já disse cada caso é único, esta pessoa depois do avc tem que viver com dor até 12 vez a mais que o normal,faz fisioterapia,terapia ocupacional,e passou por especialistas na Alemanha que diz que ele vai ter que viver com isto,acho inacreditável que uma pessoa possa viver com dores intensas e constantes,e relmete muito triste

Adriana230dias@hotmail.com

Janete Lima disse...

Oi manuela minha mae tambem teve um avc e sofre d muitas dore vc pode me passar o nume desse remedio meu email e janetelima762@gmail.com ficarei eternamente grata

Janete Lima disse...

Manuela minha mae teve um avc tambem e sofre muito com isso vc pode me passar o nome do remedio ja levei nos medico e nada adianta e ela ta sofrendo muito com tanta dor meu email e janetelima762@gmail.com

Nany Gomes disse...

Olá pessoal minha mãe sofreu um AVC isquêmico, na semana retratada, alguem sabe a medicação para dor, ela sente muitas dores bo corpo, já vi que a Manuela não quis responder sobre o medicamento, se alguem descobriu e puder me dar uma luz meu nome é EDY, meu email é e diabético hotmail.com agradeço se tiver uma resposta, ela esta sofrendo muito e estamos sofrendo junto com ela.

Unknown disse...

boa tarde Manuela

voce poderia me passar o contato deste medico e o nome do remedio por favor!!!!
desde ja agradeço!!!
Email soemissantos@yahoo.com.br







soemi s santos santos disse...

boa tarde!!!!

alguem sabe o nome do remedio
meu EMAIL soemissantos@yahoo.com.br

soemi s santos santos disse...

boa tarde Manuela

voce poderia me passar o contato deste medico e o nome do remedio por favor!!!!
desde ja agradeço!!!
Email soemissantos@yahoo.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TRANSLATOR

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Translator Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Report abuse Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.