quantos estao lendo agora

gostou? recomende


quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

3 AVCs, gravidez e poder da fé

Tive dois AVCs há dois anos e fui desenganada pelos médicos por ter uma má formação no cérebro inoperável. Me mandaram para casa para morrer! Eu, com o lado direito paralisado, comecei orar a Deus ... E Deus foi enviando seus servos para orar por mim.até que uma irmã chegou e me perguntou: “Você crê que Deus cura?” Eu respondi que sim . Então ela orou por mim e toda paralisia do meu lado direito sumiu!! Eu corria , pulava e agradecia a Deus !!!Então eu procurei uma igreja evangélica e comecei a servir a Deus !!!E o meu marido, que achava que eu iria morrer... E já tinha até devolvido eu e minhas coisas para minha mãe, começou a acreditar em Deus. E nós voltamos...

Sabendo que eu nunca poderia engravidar ...eu não podia tomar nenhum tipo de anticoncepcional e não pude colocar o diu; então decidi que iria engravidar!!! Todo mundo discordou , então eu conversei com Deus , que o meu sonho era ser mãe!!! E que eu só queria engravidar se eu pudesse criar o meu filho  e meus netos!!! Então passaram-se 6 meses e nada ... Eu achei que não iria mais engravidar!!!! Foi quando descobri que estava grávida!!!!!!!!!!!!!!

E Deus novamente falou comigo:eu vou te dar mas vc vai pagar o preço!!! Com 5 meses de gravidez começaram as dores de cabeça;e com 32 semanas já na base de 300 mg de tramadol estourou o meu terceiro derrame cerebral!!!Graças a Deus que eu ja estava internada devido as dores de cabeça!!!Os médicos então perguntaram a minha mãe :''salvamos ela ou o bebê????????'' Então minha mãe com o coração na mão respondeu: “salvem os dois !!!!!!!!!!!!” E ao mesmo tempo operaram minha cabeça e tiraram meu bebê !!!Quando o médico terminou a cirurgia falou para minha mãe: “fizemos o que pudemos. Agora é só esperar e orar para que ela não fique com nenhuma sequela!!!!!”

E eu fiquei 15 dias com um dreno na cabeça!!!Saí do hospital e conhecí o meu bebê que já tinha 1 mês eu não conseguia nem ficar de pé por causa das sequelas que eram muitas!!!Mas novamente eu confiei em Deus!!!!!E Deus me livrou de todas elas!!!!!!!Hoje meu bebê tem 6 meses. E eu estou boa usando salto alto e servindo a Deus !!!!!!!!!

Se vc não acredita em milagres, eu sou um milagre vivo!!!!!E tenho fé em Deus que vou criar meu filho!!!!!!!!!!!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Demora no diagnóstico


Minha mãe tem 68 anos e após acordar, sentiu uma forte dor de cabeça, um travamento no pescoço e também dor nos músculos entre pesçoço e ombros onde seu pescoço parece que ficou inchado. Segundo ela, parece que começou no rumo da testa, passando por cima da cabeça, chegando à região da nuca. 


Saímos às pressas e fomos atendidas no Pronto Atendimento Municipal, o médico que a atendeu medicou-a com relaxante muscular e a liberou após melhora da mesma. Creio eu que este já era um dos sintomas de AVC H, mas como leigos, eu e minha família acreditamos ser apenas muscular.
Mesmo após tratamento para a dor muscular, ainda ficou sentindo um pouco de incômodo. Marcamos uma médica para que fizéssemos um checap. Por ser minha mãe fumante, a médica aconselhou-a a parar e passou uns comprimidos para que a ajudasse parar e  foram pedidos vários exames, que seriam mostrados dia 03 de janeiro para a doutora, os quais estavam na estante da sala de estar da casa de mamãe, prontinhos e nos mesmos nenhum parecer. Sendo fato, que a médica pediu da cabeça apenas raio X. 
Mas no dia 30 de dezembro, logo ao acordar, meu pai encontrou minha mãe desfalecida na beira de sua cama e ele rapidamente me ligou e prontamente a levamos para o PAM. Chegando ao hospital, o médico e enfermeiros fizeram os primeiros socorros e ela recobrou um pouco os sentidos, mas quando eu cheguei próxima a maca onde ela estava, pediu para fazer xixi e revirou para trás. Gritei para o pessoal, e eles fizeram mais uma vez os procedimentos de atendimento e com a suspeita de AVC, foi feita uma tomografia Foi diagnosticado dois AVCs Hemorrágicos, e sua pressão estava 5 por 3. Foi necessária medicação para subir a pressão para que ela aguentasse uma cirurgia urgentíssima para limpeza do cérebro, pois sua tomografia mostrou uma grande quantidade de sangue do lado direito. 
Ao sair da sala, o  médico nos disse que também havia um aneurisma, só que ele não mexeu, pois ela estava fraca e não aguentaria. Assim, ela recupera desta retirada dos coágulos. Hoje, fazem 13 dias que ela está no UTI da Santa Casa, após coma induzido, ficou com respirador e alguns aparelhos, os quais já não os utiliza mais.  Hoje foi feita uma traqueostomia, segundo os médicos, é normal este procedimento. E aos poucos, farão a diminuição do uso deste orifício. Fico anciosa pelos resultados e evoluções e minhas família também! Em nossa entradas na UTI para visitação, cada um faz sua oração para ela (salmos 23/91/100 e outros, além do Pai Nosso), conversamos com ela e em alguns momentos, mesmo imóvel, há reações como lagrimas nos olhos, movimento da língua e olhos que se abrem e fecham levemente, e alguns mexidinhos nas pernas, mãos e pés. 
Para nós está sendo muito difícil, mas temos a fé de que seremos atendidos por Deus, por nossos pedidos e principalmente pela fé que minha mãe tem em Deus, pois todas as vezes que apresentamos a ela algum problema sempre dizia:
" ___ Mande este mal embora, pois ele está amarrado no nome de Jesus!" E assim deixo aqui meu  depoimento para que outras pessoas possam se servir do mesmo... JESUS EU CONFIO EM VÓS! NÓS CONFIAMOS EM TI OH PAI! FAZ UM MILAGRE NA VIDA DE MINHA MÃE EM NOME DE JESUS, POIS ELE TOMOU SOBRE SI TODAS AS NOSSA DORES! OH ESPÍRITO SANTO QUE TEM SEU TEMPLO NA VIDA DELA, AJUDE-A A ACHAR O CAMINHO E A FORÇA, E REAGIR E NÃO ACEITAR ESTA MALIGNIDADE! AMÉM! GLÓRIAS AO N.S.J.C.!

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

BOAS NOTICIAS - recuperaçao

O HOMEM DE MINHA VIDA -  escrevi em 2009 a estoria do rompimento do Aneurisma em meu marido José Carlos, em 10/3/2oo9. Volto para trazer-lhes noticias e esperança. Apesar de todos os problemas que passamos em todo esse periodo, encontramos gente capacitada para nos ajudar. Apos a internação, cirurgias de clipagem, coma, hidrocefalia, meningite, e muito desespero, o levei para casa. Era uma criança grande. Não falava, sorria sem motivo, nada entendia, mas estava VIVO. Contratei um fisioterapeuta e uma fonoaudiologa que vinham todos os dias,  e um enfermeiro, pois era mt pesado e como eu sou uma mulher de estatura pequena, nao dava conta de cuidar sozinha. Foram incansaveis 5 meses, ate que a vaga na Rede Sarah saisse pra ele. Apos isso, ficamos em tratamento no Sarah e continuei com os profissionais em casa por mais um ano. Ele conseguiu sair da cadeira de rodas para a muleta, esticou o joelho e hoje anda mancando um pouco, mas somente com a ajuda de uma bengala. Le tudo e entende tudo o que falamos. Ainda procura as palavras no cerebro prá falar, as vezes não encontra, mas conseguimos nos comunicar assim mesmo. Uma terapeuta ocupacional também vem aos sábados para nos ajudar. Continuamos com a fisioterapia, mas agora vamos numa clinica, e a fono ainda vem duas vezes por semana. Todas as suas funções fisicas, inclusive as sexuais, já voltaram. Com muito esforço, dedicação e amor, hoje tenho meu marido de volta. Não do jeito q era, uma pessoa estressada, q só pensava emtrabalho e dinheiro, mas uma pessoa calma, tranquila, ponderada e feliz. Aprendi, com a ajuda de um psicologo, a aceitar e redesenhar minha vida com ele. FELIZ ANO NOVO AMIGOS, e não desistam NUNCA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TRANSLATOR

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Translator Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Report abuse Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.