quantos estao lendo agora

gostou? recomende


domingo, 14 de junho de 2009

Uma história de vitória


Sou Edna Felipe, 36 anos hoje separada, uma filha... E com uma história de força, coragem e vitórias...

Tudo começou no dia 22/11/2004 (nesse tempo, com 31 anos).
Acordei, fiz meus afazeres normais... Fui trabalhar... Tirei uma horinha fui fazer um pagamento de um cartão até aí sentindo nada.. Tudo normal...Chegando, voltei a atender no caixa pois era caixa de uma franquia de correios...

Chegou uma pessoa querendo falar com minha patroa, fui lá dar o recado... Foi então que sentir uma grande tontura (isso por vou das 10:00h)... Mas passou e fiquei normal.
12:30: fui pra o almoço...Comi nesse dia língua de boi (às vezes desconfio ter sido dessa comida)... Quando terminei, fiquei papeando um pouco.. Ao me levantar pra voltar ao trabalho, saí levando tudo na frente... Mas achei que fosse só um descuido meu, ñão liguei...Juntei do chão tudo que tinha derrubado e voltei pro meu caixa... Chegando lá tinha umas cartas registradas acumuladas pra eu passar pro sistema.... Fui fazer isso... Só que eu ia empilhando as cartas e notava que elas iam caindo....Até aí eu não desconfiei de nada...
Foi então que sentir vontade de fazer xixi... Terminando fui levantar a calcinha, aí minha mão esquerda não obedeceu... Totalmente sem força... O sangue surgiu das minhas veias....Pensei logo: “isso é um derrame”.... Tinha noção porque meu pai já tinha tido um...

Entrei em desespero... Tratei de avisar a família... Chamaram o Samu... Ao sair de lá do correio já não caminhava.. Teve que dois homens me levarem.. É impressionante como essa doença age tão rápido...
Ao ser atendida o médico disse ser um avc, que quando a pressão baixasse eu voltaria ao normal.... Custei a ser medicada... Mas depois de um pequeno escândalo que uma amiga fez,.fui medicada ligeirinho... Daí comecei a vomitar muito..
Um amigo enfermeiro chegou e disse que iria morrer se não saísse dali...
Ele logo cuidou da transferência e depois de uma tomografia foi constatado um avc hemorrágico, o que levou todos ao desespero...
Mas o medico logo disse: “não dár pra fazer a cirurgia ainda hoje”.... Isso era 21:00 + ou -... “Farei a cirurgia amanhã as 15:00”...(putz essa hora era morte na certa)... Mas como Deus tava na frente sempre abrindo todas as portas de facilidades... Alguém falou com o medico que adiantou pra 7:00 da manhã.... Fiz a bendita cirurgia e graças a Deus já saí consciente da sala de cirurgia.. Assim como entrei, também vendo tudo. Só não tinha noção do tamanho do risco que tava correndo...

O médico me liberou pra os corredores... Nem pra u.t.i eu fui... E nem precisei..
De lá arrumaram uma enfermaria e daí então foi só recuperação... Hj tenho sequelas...Perdi minha liberdade, mas sou conformada. Perdi meu emprego, mas sou aposentada,. Perdi meu marido (separada) , mas tenho meu amigos...

E é isso... A história é grande mas vou contando aos poucos...
Hj sou mas que vencedora.. Álias somos.... Sou a Edna, conhecida no chat por “Dina” Uma eterna agradecida a Deus... E viva a vida!!!....
Obs.. Depois tem mais..bjuss

2 comentários:

Anônimo disse...

Graças a Deus,Dina! Assusta, tão nova! Bj
muito grande

Nela

Adriane disse...

Oi Edina, sou a Adriane, tb postei minha história no blog e assim como vc perdi quase tudo: namorado, emprego, menos a garra de lutar pela vida. Quanto ao emprego já estou trabalhando em outro lugar, não fiquei com sequelas graves graças a Deus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TRANSLATOR

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
Translator Widget by Dicas Blogger
Edit this page (if you have permission) | Report abuse Google Docs -- Web word processing, presentations and spreadsheets.